Notícias >>

CURSO DA MARINHA FORMA 30 AQUAVIÁRIOS EM RIFAINA

Participantes do curso ministrado pela Capitania do Tietê-Paraná serão certificados na próxima sexta-feira

publicado em 04/12/2018

Continua nesta terça-feira (04/12) o Curso de Formação de Aquaviários que está sendo ministrado em Rifaina numa parceria da Prefeitura com a Capitania Fluvial do Tietê-Paraná da Marinha do Brasil.

O curso de Formação de Aquaviários Convés e Máquinas tem a finalidade, segundo o prefeito Hugo Lourenço, de garantir segurança e profissionalização aos que labutam diariamente no Rio Grande, que margeia a cidade de Rifaina.

Nesta terça-feira, no período noturno, os alunos passarão pela fase de controle de avarias, noções de estabilidade e noções básicas de navegação.

As aulas são ministradas no auditório da Casa da Cultura Rui Reis e aulas práticas programadas no curso são realizadas em piscinas e até mesmo na represa do Rio Grande, segundo a programação.

Nesta quarta-feira, o roteiro do curso prevê aulas de sobrevivência do náufrago, primeiros socorros, noções de meteorologia e comunicações fluviais.

Na quinta-feira serão abordadas noções sobre motores e será feita uma revisão para a prova final.

Na sexta-feira (07) a partir das 18h, com duração de 50 minutos, será realizada a prova final.

Em seguida serão lançadas as notas para conhecimento dos alunos e, após, o encerramento do curso em cerimônia.

Mas o curso ainda prevê uma atividade para o sábado (08), com adestramento prático com embarcação, sob o comando do Sargento Miguel da Divisão de Ensino Profissionalizante da Marinha do Brasil.  

NOÇÕES E REGRAS

Durante uma semana, os alunos assimilaram as noções de regras de navegação, estabilidade da embarcação, noções de primeiros socorros, prevenção do meio ambiente, relações interpessoais e responsabilidades sociais.

A certificação obtida pelos formandos possibilita ainda a ascensão na carreira de aquaviário, a depender do tempo de embarque e da realização de novos cursos.

O CIR

O documento que certificará os participantes do curso é a CIR – Caderneta de Inscrição e Registro – de habilitação, identificação e registro de dados pessoais do aquaviário.

A CIR é emitida para prover o portador de identificação a fim de viajar de/ou para uma embarcação, além de registrar o serviço aquaviário.

O CURSO EM RIFAINA

O Curso de Formação de Aquaviários (CFAQ-II C/M – Nível1), Destina-se a habilitar os novos aquaviários a conduzirem e/ou tripularem embarcações de atividade profissional (como por exemplo lanchas ou botes de turismo náutico, pesca profissional, balsas, areeiros etc...

Trinta (30) formandos devem receber a Carteira de Inscrição e Registro (CIR) e o certificado de conclusão do curso, que habilita o profissional a trabalhar na praça de máquinas e no convés das embarcações.

Durante uma semana, os alunos assimilaram as noções de regras de navegação, estabilidade da embarcação, noções de primeiros socorros, prevenção do meio ambiente, relações interpessoais e responsabilidades sociais.