Notícias >>

CADASTRO PARA NOVO CONJUNTO HABITACIONAL POPULAR COMEÇA DIA 24 DE FEVEREIRO

- Cadastro será feito de 24 a 28 de fevereiro e de 1º a 04 de março, na Casa da Cultura “Rui Reis”, das 9h às 17h -

publicado em 30/01/2018

A construção de um novo conjunto habitacional popular em Rifaina para até 120 moradias será alvo de um Cadastro para identificação de demanda que será apresentado à Caixa Econômica Federal que poderá efetivar as construções através do Programa Minha Casa, Minha Vida.

NA CASA DA CULTURA

A Prefeitura definiu que o Cadastro (que não significa pré-inscrição ou inscrição) será feito de 24 a 28 de fevereiro e de 1º a 04 de março, na Casa da Cultura “Rui Reis”, das 9h às 17h (veja abaixo os documentos obrigatórios).

No local, os interessados no cadastro fornecerão dados e documentos (confira a relação abaixo) e receberão as informações necessárias dos técnicos a respeito das exigências (comprovações: de residência, de trabalho e rendimentos e cadastro biométrico eleitoral).

BIOMETRIA ELEITORAL É OBRIGATÓRIA

Uma das exigências será o comprovante de Cadastro Biométrico Eleitoral, fornecido pelo Cartório Eleitoral de Pedregulho, cujo prazo está se encerrando e é obrigatório ainda neste ano a todos os eleitores de Rifaina.

A Prefeitura fornece transporte gratuito, de segunda a sexta-feira, ás 14h, para quem precisa se dirigir à Pedregulho e se cadastrar.

OPÇÃO

A capacidade do terreno adquirido pela Prefeitura é para um núcleo entre 100 e 120 residências de acordo com o projeto previamente escolhido, com financiamento da Caixa.

A área de 60 mil metros quadrados está localizada às margens da Rodovia Cândido Portinari, que foi adquirida pela Prefeitura por R$ 700 mil e já foi paga.

O Prefeito Hugo informou que a escolha pelos projetos do Programa Minha Casa, Minha Vida é pelo fato de que a tramitação dos projetos de construção é mais rápida e o novo núcleo poder ser disponibilizado mais rapidamente, resolvendo o déficit habitacional da cidade.

 

DOCUMENTOS OBRIGATÓRIOS PARA CADASTRO

 

          RG E CPF DO CASAL (SE FOR O CASO)

          CERTIDÃO DE NASCIMENTO OU CASAMENTO

          COMPROVANTE DE RESIDÊNCIA NO MUNICÍPIO NO MÍNINO HÁ 03 ANOS (RECENTE)

          DECLARAÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA (SE FOR DECLARANTE)

          COMPROVANTE DE RENDA (03 ÚLTIMOS HOLERITS)

          CARTEIRA DE TRABALHO

          EXTRATO DE FGTS (ATUALIZADO, FORNECIDO PELA CEF – CASO VÁ USAR)

          MOVIMENTAÇÃO BANCÁRIA DOS ÚLTIMOS 3 MESES (EXTRATOS BANCÁRIOS)

     COMPROVANTE DO CADASTRO BIOMÉTRICO ELEITORAL – CARTÓRIO DE PEDREGULHO

 

Documentos, quando da pré-inscrição que ocorrerá futuramente serão fiscalizados pela CEF