Notícias >> Meio Ambiente

CAMPANHA TROCA QUATRO LITROS DE ÓLEO DE COZINHA USADO POR UM LITRO LIMPO

- Através da campanha, Rifainenses podem trocar quatro litros de óleo de cozinha em garrafa pet por um litro limpo -

publicado em 10/10/2017

A Prefeitura de Rifaina, em parceria com a empresa Óleo Franca, representada por Henderson Aparecido da Silva, e Usina Hidrelétrica de Igarapava iniciou projeto para contribuir como descarte correto do óleo comestível, o chamado “óleo de cozinha, recolhendo o produto para descarte correto e incentivando a consciência ambiental, tendo como “prêmio”, o recebimento de um litro de óleo novo, na campanha "Eu óleo pela Natureza".

Além do trabalho de conscientização e coleta que vem sendo desenvolvido durante todo ano, uma nova forma de descarte foi acrescentada ao projeto.

Agora, o morador da cidade que entregar à campanha quatro litros de óleo usado (duas garrafas pet cheias) receberá um litro de óleo limpo.

A troca deve ser feita na Casa da Agricultura, ao lado do Almoxarifado, na Avenida José de Paula Vieira (avenida do Praia Branca).

Reutilizável

O óleo que é descartado de forma irregular (na rede de esgoto, por exemplo), causa sérios danos ambientais, ao tempo que o descartado corretamente é utilizado para produção de biodiesel, tintas a óleo, massa de vidraceiro e outros produtos. Isso preserva matéria-prima, incentiva a reciclagem e evita que mais litros de óleo sejam descartados de maneira incorreta.

 

Assim, descartando corretamente o óleo já usado, a pessoa evita a poluição ambiental, pois o óleo, apesar de biodegradável, é um poluidor e grande contaminante.

 

Como não descartar

 

Todos os tipos de óleos apresentados anteriormente não podem ter como destinos, pias, bueiros, ralos ou guias da calçada porque impactam negativamente o encanamento residencial e também poluem a água, além de contribuírem para morte da biodiversidade.

 

No encanamento das residências, existe a chamada “caixa de gordura” que armazena gordura proveniente das pias.

 

A caixa de gordura normalmente é feita de plástico PVC ou de concreto. O descarte incorreto na pia de óleo de cozinha usado provocará o entupimento dos encanamentos e acúmulo de gordura na caixa citada. Quando isso ocorre, é necessário um processo trabalhoso para limpá-la, além de realizar o mesmo processo nos encanamento. Por isso, é possível evitar este contratempo ao não jogar fora o óleo usado de cozinha na pia.

 

Como poluem

 

A parte do óleo descartado que passou pelos encanamentos e não ficou retido na caixa de gordura, chega às redes que coletam o esgoto doméstico.

 

É possível que o óleo siga por dois caminhos distintos: para uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) ou para a represa do Rio Grande.

 

Para chegar à ETE, é preciso que o óleo misturado com água e outros resíduos passem por uma rede coletora - nesta passagem é que o óleo obstrui o fluxo de esgoto que iria para a ETE.

 

Descartando o óleo indevidamente, a pessoa não só prejudica a estrutura do encanamento predial, como também pode causar o refluxo do esgoto para outras residências.

 

Alto poder de poluição

 

Importante lembrar que 50 ml de óleo provocam a poluição de mais de 25 mil litros de água. Mesmo que se utilize uma pequena quantidade de óleo de cozinha, é importante armazenar na garrafa PET, e não descartá-lo na pia, ralo ou bueiro. Trocar dois litros de óleo usado por um limpo, na Campanha é bem menos trabalhoso e mais lucrativo.