Notícias >> Gabinete

RIFAINA COMPRA NOVA ÁREA E AMPLIA PARA 220 CASAS POPULARES EM 2019

Com 220 novas casas, Rifaina desenvolve o maior programa habitacional popular entre 30 cidades da Alta Mogiana

publicado em 04/01/2019

Confirmando o que havia anunciado em novembro passado, o Prefeito de Rifaina, Hugo Lourenço, anunciou a concretização de todo o processo visando a possibilitar a construção de mais 100 casas populares na cidade.  

A nova área fica anexa a outro terreno, comprado em 2017, por R$ 700 mil, onde serão construídas 120 casas do Projeto Minha Casa, Minha Vida, já em processo de liberação para Caixa Econômica Federal.

A nova área (para mais 100 casas) foi desapropriada pelo Município através do Decreto assinado pelo Prefeito Hugo Lourenço (nº 1.128 de 06 de dezembro de 2018).

A Prefeitura já efetuou o pagamento, com recursos próprios, no valor de R$ 810 mil e a escritura está registrada em nome do Município no CRI – Cartório de Registro de Imóveis - da Comarca, em Pedregulho.

O Prefeito Hugo, com a ajuda do Deputado Estadual Campos Machado (PTB) vai agendar audiência com o novo Secretário da Habitação do Estado, Flavio Augusto Ayres Amary, para acertar detalhes da doação do imóvel à CDHU – Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano, que fará os procedimentos habituais de cadastro e definição dos mutuários a serem beneficiados com as casas, mediante sorteio e os critérios técnicos e sociais utilizados nos programas habitacionais do Estado.

Segundo levantamento realizado no cadastro prévio para o primeiro núcleo, do Programa Minha Casa, Minha Vida, de 120 casas, Rifaina tem cerca de 600 pessoas interessadas em novas habitações populares, cujo cadastro será utilizado para confirmar a demanda de casas junto à CDHU.

Segundo o Secretário de Governo da Prefeitura, Alcides Diniz dos Santos – Cidinho, durante os meses de novembro e dezembro, após a confirmação da compra da nova área, todos os procedimentos legais para compra, pagamento e registro da nova área foram providenciados, estando tudp pronto para que o Prefeito Hugo negocie a liberalão do novo núcleo com o Governo João Doria através da Secretaria da Habitação e CDHU.

 

MINHA CASA

Em 2018 a Prefeitura de Rifaina já havia compro e pago a primeira área para casas populares. A capacidade do terreno adquirido pela Prefeitura é para um núcleo entre 100 e 120 residências de acordo com o projeto previamente escolhido, com financiamento da Caixa.

A área de 60 mil metros quadrados está localizada às margens da Rodovia Cândido Portinari, que foi adquirida pela Prefeitura por R$ 700 mil e já foi paga à família do Comendador Oswaldo Pereira Guimarães.

Assim, o Projeto Habitação deste 3º mandato do Prefeito Hugo pode atingir 220 casas populares, com investimentos que chegam a R$ 1,5 milhão só com a compra dos dois terrenos.

É o maior programa de casas populares já desenvolvido na história da cidade e o mais completo em mais de 29 municípios da região da Alta Mogiana.