Notícias >> Gabinete

QUASE 600 PESSOAS SE CADASTRAM PARA DEMANDA DO NOVO NÚCLEO DE CASAS POPULARES

- Prefeito Hugo Lourenço apresentará Cadastro de Demanda à Caixa Federal e aguardará autorização para o período de inscrições -

publicado em 05/03/2018

O Cadastro de Demanda para levantamento do número de pessoas que potencialmente poderão se inscrever para o novo núcleo de até 120 casas populares pelo Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV) atingiu a 596 interessados e terminou neste domingo (04).

Com os quase 600 cadastrados a Prefeitura apresentará o projeto da construção do novo núcleo habitacional para a Caixa Econômica Federal (CEF) que será a agente financeira nos termos da regulamentação do Minha Casa, Minha Vida - MCMV.

Após os estudos técnicos, caso aprovado o núcleo, as pessoas cadastradas serão chamadas para a pré-inscrição, porém, já atendendo às exigências para inclusão no financiamento do MCMV.

Ainda não se tem previsão de quanto tempo se levará ate que a convocação para pré-inscrição seja convocada, mas por parte da Prefeitura toda a documentação destinada à habilitação já está providenciada, como, por exemplo, a apresentação da escritura da área de 60 alqueires.

A área de 60 alqueires, destinada ao núcleo - que pode ter entre 100 e 120 casas -, foi comprada pela Prefeitura no ano passado, com a quitação do valor de R$ 700 mil com recursos próprios do Município.

O terreno fica localizado às margens da Rodovia Cândido Portinari, próximo à MCassab, na fazenda do Comendador Oswaldo Pereira Guimarães.

Em breve, a gleba, que já foi incorporada ao perímetro urbano de Rifaina, receberá toda infraestrutura como redes de água, esgoto, energia elétrica, guias, sarjetas e asfalto.